A SUA EMPRESA MERECE BONS COLABORADORES?

Acredito que o assunto “colaboradores”, sempre polêmico entre os empregadores, por vezes é visto pelo ângulo errado, do fardo, da folha de pagamento e como alguém sem iniciativa, muitas reclamações sobre falta de capacitação e pro atividade.


Tem uma frase que gosto muito, ela diz muito sobre esse assunto: “Se você acha caro contratar um profissional qualificado, experimenta contratar alguém desqualificado.”

As empresas se ocupam demais com as obrigações e cargas tributárias que incidem sobre a folha de pagamento e acabam reduzindo o assunto ao problema e não se preocupam com o que realmente importa quando falamos em contratar funcionários, os quais só passam a ser verdadeiramente colaboradores quando eles contribuem ativamente para o crescimento da empresa.


Na contratação, não temos como prever com exatidão e certeza, que determinada pessoa é ideal para o cargo e vai atender a todas as expectativas de quem a contrata. Podemos avaliar currículos, buscar referências, programar e avaliar o período de experiência. Mas não existe ferramenta capaz de te dar garantias. Não temos tamanho controle.


Então o que o empregador deve fazer? Focar na única coisa sobre a qual ele pode controlar, a sua empresa. A administração profissional e a construção de uma cultura organizacional baseada em valores meritocráticos são as formas mais eficazes de preparar a sua empresa para bons profissionais.


A folha de pagamento e os impostos as serem recolhidos sobre os salários são consequências, o que realmente importa é atrair bons profissionais para compor a sua equipe. Isso sim contribuirá para o crescimento dos negócios.


E dentro dessa estrutura, preparar as melhores ferramentas para o exercício de cada função dentro da sua empresa. Assim, você estará pronto para contratar bons colaboradores, porque é o empreendedor que constrói um bom empreendimento e não seus colaboradores, a esses últimos cabe contribuir para a execução dos planos do gestor.


1 visualização

©2008 por BRUM PINHEIRO ASSESSORIA JURÍDICA.